Oeste: Diagnóstico de Situação
 
Equipamentos de Apoio à População
 
O Oeste apresenta um nível satisfatório no acesso a equipamentos coletivos, contudo são sentidas algumas carências de equipamentos em determinados concelhos, designadamente no domínio da ação social.

• A dotação de equipamentos desportivos no Oeste é satisfatória, com exceção das piscinas (apenas 33,2% na região, contra 46,3% no Continente).

• A acessibilidade a bibliotecas atinge mais de 50% da população, superando a média nacional, mas as salas de espetáculos são ainda insuficientes.

• A região acusa alguma debilidade de equipamentos de ação social, concretamente, creches, mais sentida em Alenquer e Cadaval, e centros de dia, no Sobral de Monte Agraço, Óbidos, Peniche e Alenquer.

• Nazaré ocupa uma posição muito atrativa ao nível dos equipamentos de ação social, no contexto Oeste mas também face ao panorama nacional.

Indicadores de acessibilidade a equipamentos diversos, 2002
 
 
 
 
Os indicadores de saúde são satisfatórios ao nível do acesso a equipamentos, mas insuficientes no que respeita à disponibilidade de profissionais de saúde.

• A população residente em freguesias equipadas com Centro de Saúde ou extensão deste atinge 78,7% no Oeste, superando a média nacional de 73,9%.

• A disponibilidade de enfermeiros e médicos apresenta valores muito baixos quando comparados com a média nacional (2,4‰ e 1,3‰, contra 4,5‰ e 3,5‰ no Continente).

• Caldas da Rainha apresenta os valores mais favoráveis da região, enquanto as situações menos positivas se verificam em Alenquer, Cadaval e Lourinhã.


Indicadores de saúde
 
 
 
 
in Estudo Técnico elaborado por Augusto Mateus e Associados – Sociedade de Consultores, Oeste – Programa Territorial de Desenvolvimento 2008-2013, Abril 2008, pág. 180 e 181